BI (Business Intelligence) e UX (User Experience): tudo a ver

Experiência do Usuário (UX – User Experience) é um dos termos mais amplamente debatidos em todas as esferas da tecnologia atualmente. Na esfera do Business Intelligence (BI), mais ainda.

user experience

Soluções que permitem às empresas acessarem de forma rápida e fácil seus dados, sem depender de um emaranhado de planilhas e anotações. Além de contar com recursos para análise e distribuição das informações e painéis é um avanço enorme para organizações de todos os portes e segmentos.


Entretanto, mesmo os melhores BI’s do mercado dependerão de algo que é fundamental para funcionar perfeitamente: uma boa experiência de usuário (UX User Experience).

user experience

Agora, você pode estar se pergunta o que exatamente significa uma boa experiência do usuário. UX não se trata de uma ciência ou uma metodologia. User Experience é um termo usado para mensurar toda a relação e experiência do usuário ao usar um produto ou serviço, seja ele qual for.


Uma boa experiência aumenta a probabilidade do usuário consumir seu produto, além de se tornar um defensor da marca, isso é ainda mais importante na época em que vivemos.

Os consumidores estão mais digitais do que nunca e estão menos dispostos a “sofrer” com uma comunicação complicada e confusa por conta da facilidade de alternativas com navegação instantânea.


A preocupação com UX deve ser alta dentro de qualquer organização, pois UX envolve não somente aspectos relacionados ao design (hardware, software, interface, usabilidade, facilidade de busca etc), mas também destaca os aspectos afetivos e experienciais, significativos e valiosos de interação humano-computador e propriedade do produto. A experiência do usuário é de natureza subjetiva, pois é sobre a percepção e pensamento individual no que diz respeito ao sistema. Ela é também dinâmica, pois é constantemente modificada ao longo do tempo, devido à evolução das circunstâncias e inovações.


E como o BI interage com UX?

Além do que já foi dito a cima, que todo o produto, sistema, etc.. deve se preocupar com a UX, o BI ainda pode gerar insights que ajudam a fazer uma boa UX.


1) Melhore sua UX com dados:

O que os dados podem fazer pela UX e para toda a sua empresa? Dados podem ajudar a atrair e engajar prospects, vender mais e, finalmente, fazer com que os clientes se sintam importantes e atendidos. Os consultores de BI destacam a importância das sinergias que surgem da combinação de diferentes fontes de dados. As descobertas podem mostrar que seu site ou aplicativo precisa de uma nova organização, um apelo à ação mais forte ou uma navegação mais direta. Uma solução integrada de BI pode acelerar a coleta de dados, a agregação e a verificação cruzada.


2) Venda mais:

Uma rápida olhada nos dashboards da plataforma, pode destacar os produtos mais vendidos. Além disso, pode mostrar a demografia dos compradores e ajudá-lo a segmentar seu mercado. Essas informações são a base da criação de ofertas personalizadas.


3) e 4) Gaste menos com marketing , suporte e ainda receba um feedback:

Uma excelente UX pode cortar os custos em marketing e suporte, e você somente conseguirá uma execelente UX se baseá-la em fatos (dados) que serão extraídos para você com um sistema de BI como o BIMachine. No marketing a UX pode fazer a diferença entre deslizar um cliente em potencial pelo funil de vendas ou direcioná-lo para o produto de um concorrente. No suporte se tudo (seu produto, seja ele qual for) estiver funcionando perfeitamente bem, não haverá necessidade de suporte.


UX e BI tem tudo a ver!


plataforma bimachine

Transforme a gestão da sua empresa, venha ser data driven com a BIMachine!

Conheça a maior plataforma analytics da América Latina.


Agende um diagnóstico gratuito com nossos especialistas e saiba como impulsionar os seus negócios.


#bimachine #datadriven #businessintelligence #businessanalytics #dados

94 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo