BIMachine participa de missão brasileira à Colômbia

Atualizado: Mai 3

Objetivo é abrir oportunidades no mercado latino-americano.


A BIMachine foi selecionada para participar de uma missão para a Colômbia organizada pela Apex - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos.


A companhia foi reconhecida como uma das brasileiras com alto potencial de expansão no mercado latino-americano, em vista de suas estratégias já bem- sucedidas de crescimento no mercado brasileiro, bem como demais iniciativas de internacionalização em andamento – como os já pré-anunciados planos de incursão no mercado Europeu, com estudos de campo já realizados em praças como Portugal, por meio da participação em eventos importantes da cena global.


bimachine na colômbia

Na Colômbia, a BIMachine e demais empresas participantes da missão irão visitar potenciais clientes e parceiros, tendo foco na prospecção de oportunidades de mercado. Além disso, conhecerão empresas já instaladas no país, nativas ou não, e o ecossistema de inovação colombiano, por meio de entidades como a Câmara de Indústria e Comércio da Colômbia, entre outras instituições.


“Também faremos visitas técnicas e apresentações de negócio a prestadores de serviços locais, além de participarmos de outras rodadas de negociação e aproximação”, conta Ana Paula Thesing, CMO da BIMachine.
“A Colômbia é um país de grande potencial, e o estudamos com planos de fazer de lá nosso ponto de partida para a expansão na América Latina”, complementa.

De fato, o potencial do mercado colombiano salta aos olhos: com crescimento de PIB em 8% no ano passado, o país tem projeção acima dos 5% para este ano. Além disso, a representatividade da indústria no PIB nacional é bastante significativa, algo que, para a BIMachine, é uma porta aberta, já que a empresa tem larga experiência no atendimento a clientes deste segmento, como é o caso de Martiplast, Bremil, Tabone, Peccin, entre outros.


Outros dados que chamam atenção: conforme dados da CNI, a Colômbia é o segundo país da América do Sul que mais importa, além de já ter firmado, na última década, muitos acordos comerciais com países e blocos que, juntos, representam mais da metade das importações mundiais.


Mais de 25 multinacionais brasileiras são instaladas em solo colombiano, o que, segundo a CNI e Fundação Dom Cabral, coloca país no quarto lugar do ranking dos mais atrativos para investidores brasileiros, perdendo apenas para Estados Unidos, Argentina e México.


“É um país bastante aberto, receptivo a investimentos e parcerias internacionais. Acreditamos neste mercado como muito promissor para nossa estratégia de expansão”, finaliza Ana.

plataforma bimachine

Transforme a gestão da sua empresa, venha ser data driven com a BIMachine!

Conheça a maior plataforma analytics da América Latina.


Agende um diagnóstico gratuito com nossos especialistas e saiba como impulsionar os seus negócios.


#bimachine #datadriven #businessintelligence #businessanalytics #dados

142 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo